28/06/2016

pensamentos da vida | Não gosto de ler!

Texto escrito por Aline Rodrigues, do blog Relíquias (visite!)
Quem nunca ouviu essa frase que atire a primeira pedra!
Muitas pessoas acreditam que o habito de ler deve ser adquirido na infância, "um adulto que não gosta de ler jamais gostará".
Realmente já ouvi tanta coisa, desde a reclamação básica da falta de ilustração em livros até a curriqueira "pra que ler se tem o filme?".

Como uma pessoa pode saber se gosta ou não de ler se não tem ao menos um livro em casa? 
Muitos pais gastam fortunas com jogos eletrônicos e reclamam que os filhos não têm habito de leitura. Mas, a realidade é uma só, é mais fácil gastar trezentos reais em um game e 'desligar' a criança para o mundo (e não perturbar pelo menos até fechar o jogo) do que gastar vinte reais com um livro.
Quando criança, eu lia muito gibi da Turma da Mônica, mas confesso que em minha casa, comprar livros era considerado jogar dinheiro fora triste realidade.
E sim, foi uma amiga que me incentivou a ler - obrigada, Jenifer! Se você não tivesse pegado na biblioteca da escola o livro e colocado nas minhas mãos, hoje o Relíquias não estaria aqui. - e comecei por nada mais nada menos que "Harry Potter e a pedra filosofal".
Claro que antes disso eu fui obrigada a ler os livros para trabalhos de escola, o que não ajudou em nada, pois fiz trabalhos sobre o "Diário de Biloca" que amei, porém tive que ler também "O ciclo da soja" que foi uma experiência tão traumática que apaguei do meu cérebro qualquer informação sobre o mesmo.

Você entende onde está o problema? Como alguém vai gostar de ler se não encontrou o gênero preferido? Como incentivar a  leitura em crianças forcando-as a ler "Os ciclos das sojas" da vida?
Eu não acredito que exista pessoas que não gostam de ler, elas simplesmente não encontraram o livro/gênero que lhe agradam. Existem tantos livros e tantos autores cada um com uma oportunidade, com mundos novos para serem descobertos.
Então, não me venha com desculpas esfarrapadas, arrisque-se. Procure algo que lhe interessa, não importa qual seja sua escolha de livro, mas tenha uma!
P.S. Se você leu "O ciclo da soja" e gostou, não me julgue.
Livros citados:
Turma da Mônica - Mauricio de Sousa
Diário de Biloca - Edson Gabriel Garcia
O ciclo da soja - Fernando Vaz

E aí, gostaram do texto? Eu amei muito, e agradeço a Aline por deixar que eu compartilhasse com vocês! É um tema interessante, um tema que pode ser polêmico e também que traz muita reflexão. Confesso que li um livro traumático também, o tão aclamado "O morro dos ventos uivantes", de Emily Brontë. Certo, literatura, romance... Mas, para alguém que nunca tinha lido mais do que livros infantis, ler essa obra me deixou irritada do começo ao fim, foi a pior leitura da minha vida e continuarei a não recomendar :x O que isso me trouxe para refletir? Procurar ler livros dos gêneros que me atrairiam e que eu tivesse mais noção do mesmo, foi aí que surgiu a mania de ler partes dos livros antes de ler ou comprar hahaha Minhas leituras decolaram quando visitei a biblioteca do colégio em que estudei no final do ensino fundamental :3 
Qual o livro que foi uma leitura traumática para você? O que você pensa sobre leitura? Sobre o brasileiro no mundo literário? Concorda com o que foi dito? Concorda com a frase "brasileiro não gosta de ler"? Me conta também! 
Beijos.

33 comentários

  1. Muitas crianças começam a ler graças aos gibis, assim como aconteceu com você. Então, agradeça também, além da sua amiga, por tê-los tido por perto na infância. Concordo com você no que diz respeito aos jogos. Acho que, quando os pais preferem investir nesse tipo de entretenimento para o filho, em vez de comprá-lo um bom livro, estão transmitindo a essa criança a mensagem subliminar de que os livro não são tão importantes assim. gostei muito da sua reflexão!

    Tatiana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, realmente é triste ver os pais investindo e influenciando os filhos em games e esquecendo da importância da leitura.
      Obrigada pelo carinho!

      Excluir
  2. Oi, Ruhh!
    Eu concordo com a afirmativa de que "as pessoas não gostam de ler, elas simplesmente não encontraram um livro/gênero que lhe agradam". Infelizmente, o brasileiro não cultiva o hábito da leitura, mas sabe que eu acho que isso tá mudando pra melhor? E uma das grandes responsáveis por isso é a blogosfera. Eu mesma sou influenciada por várias blogueiras literárias e booktubers que gostam do mesmo tipo de leitura que eu. E mais, já até me aventurei por gêneros que eu nunca tinha lido só porque 'fulana de tal' indicou. Enfim, esse assunto gera uma grande discussão, mas o que importa mesmo é que as pessoas se permitam um pouco se aventurar no mundo da leitura, porque não há nada de ruim nisso. Pelo contrário, só vejo benefícios próprios, uma vez que conhecimento nunca é demais. ;)

    Um beijo,
    http://helendutra.com/

    PS: Eu também leio partes do livro (inclusive o final) antes de iniciar, de fato, a leitura haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Helen, você não faz ideia de como seu comentário me fez feliz, é bom saber que o que estamos fazendo gera resultado, a blogosfera vai ganhando aos poucos novos leitores.

      Beijos

      PS: menina depois você consegue ler o livro sabendo o final? kkkkk

      Excluir
  3. Concordo que tem um tipo de livro pra cada leitor!
    Bora incentivar quem diz que não gosta! beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso Thamiris, o trabalho pode ser pequeno, mais vale a pena!
      Beijos

      Excluir
  4. Opa! Uma pena você não ter gostado de ler esses gibis/livros. Comecei a me amarrar na leitura por causa deles. Mas essa é sua opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rafael, acredito que você não entendeu o texto, em momento algum falei que não gostava de ler gibis/livros... eu disse que não era habito na minha família compra-los

      Excluir
  5. Oiee

    Eu vejo por parentes que muitos pais, não tem preocupação nenhuma em incentivar a leitura dentro de casa com a criança, acho isso muito triste.
    Eu sempre tive incentivo dos meus pais e por serem professores, o que ajudou muito, sempre fui rodeada de livros. Minha paixão começou muito cedo.
    Mas tem um fato, minha irmã foi criada nos mesmo moldes que eu e ela, no entanto, não tem o mínimo gosto pela leitura.
    Adorei seu post!

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda, puxa que legal seus pais incentivarem a leitura, e sua irmã talvez não tenha encontrado o livro certo para fazer ela se apaixonar pela leitura!
      Obrigada pelo carinho!
      Beijos

      Excluir
  6. Oiiii!
    Com certeza também tive muitas leituras traumatizantes na minha adolescência, principalmente as obras de José de Alencar rsrsrsrs. Será que o professor, o sistema educacional, sei lá quem, não percebem que esse tipo de leitura não é adequada para certas faixas etárias?! Sem dúvida nenhuma esse tipo de situação só afasta os alunos dos livros! Acho que deveríamos repensar os métodos de incentivo à leitura, dentro e fora da escola, urgentemente!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Priscilla, você percebe onde começa o problema?
      Colocar livros para crianças que não estão preparadas para tal leitura.
      Se cada um incentivar uma criança, mostrando o quanto é legal ler podemos reverter isso!

      Excluir
  7. Olá,

    Eu já abandonei alguns livros na verdade e confesso que alguns me decepcionam também haha. Adorei o texto.

    Abraços
    oblogcaentrenos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vivianne, eu não sou de abandonar livro, sou guerreira e vou até o fim.... Mas confesso que estou revendo esse pensamento, existe tantos livros para que focar em um que não me agrada?

      Abraços

      Excluir
  8. Oi Ruhh, amei o post! Parabéns ao blog Relíquias e a você por compartilhar conosco. Bom, vou contar para vocês uma experiência que considero incrível em minha vida e hoje pude lembrar bem dela ao ler teu post. Na minha infância eu não tinha livros em casa, não culpo meus pais por isso, porque sei que eles não tinham condições para isso. Então no meu primeiro ano do ensino fundamental tinha acabado de chegar na cidade de Recife e acabei fazendo da biblioteca da escola estadual em que estudava, o meu cantinho especial. Como morava próximo a escola, eu ia para casa no final de meu horário de aula, tomava banho e almoçava e na maioria das vezes voltava a biblioteca na parte da tarde, ou trazia sempre 3 livros para casa. que por sua vez tinha que ser devolvidos em até 8 dias e eu acabava terminando todos em no máximo dois dias. Li todos os livros infantis da Biblioteca e me tornei amiga da bibliotecária, ela me levava para casa dela para brincar com a filha e olha que ficava em um bairro bem longe rsrsrs...Finalizando a história, quando fui embora 3 anos depois ela acabou me presenteando com alguns livros. Lembro de cada detalhe disso tudo até hoje e confesso que foi o ponto de partida para meu gosto pela leitura, apesar de eu ter passado um tempo longe dos livros com o nascimento dos meus filhos (o tempo fica bem mais curto), porém hoje estou de volta e tentando recuperar o tempo perdido rsrs... beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcia, puxa primeiramente obrigada por compartilhar sua história, realmente foi de extrema importância a atitude dessa mulher em sua vida, você tem uma história para contar para seus netos, que por vez vão contar para os netos deles!
      Beijos!

      Excluir
  9. Oi, amei o texto e concordo com o que você disse. Eu fui incentivada a ler desde criança e confesso que odeio ouvir essa frase "odeio ler" ou "para que ler o livro se tem o filme?", sério, não consigo entender como tem pessoas que acham ler uma coisa entendiante e chata, é claro que existem livros desse estilo, mas para saber, tem que lê-los, e se não gostou, passa para o proximo, o que não pode é desistir. Já dizia a frase, que a pessoa não gosta de ler, é porque ainda não encontrou o livro certo para ela, o que que a cativasse.
    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thatyane, acho que ainda vamos ouvir muito essa frase, mas aos pouco tudo vai mudar, vamos contribuir para que isso aconteça.
      Beijos!

      Excluir
  10. Oiee ^^
    Sabe que eu nem me lembro qual foi o primeiro livro que eu li e gostei? Acho que foram fábulas mesmo, quando estava na 3ª fase do Ensino Infantil. Mas depois disso eu também li muitos gibis da Turma da Mônica, que eu acredito ter sido o que me empurrou para valer na literatura. Hoje eu não sei o que seria de mim sem os livros...haha' Não concordo com a frase "brasileiro não gosta de ler", se fosse verdade, nós seríamos o quê? Acho que grande parte dos que "não gostam de ler", nunca acharam o livro certo, aquele que prende e encanta para valer.
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dryh, os gibis da Turma da Mônica realmente são os responsáveis por trazer a leitura para vida de muitas pessoas, e sim, somos brasileiras e amamos ler ♥

      Excluir
  11. Ola adorei o tema da postagem, acredito que devemos incentivar desde cedo, com livros que chamem atenção das crianças, contos de fadas, e ter um exemplo de alguém que gosta de ler também ajuda bastante. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, realmente não basta falar, tem que dar o exemplo, criança que tem um adulto que lê por perto!
      Beijos

      Excluir
  12. Oi.

    Ótimo texto, maravilhoso. Meus hábitos de leitura começaram um pouco tarde, não fui daquelas crianças que lia desde pequena, na verdade eu me interessei pela leitura praticamente sozinha, com alguns livros que os professores indicavam para provas, comecei a lê-los e com isso fui criando gosto pela leitura. Um dos primeiros livro que comprei e que li foi "Orgulho e Preconceito"; é por isso que amo de paixão esse livro e a Jane Austen, porque foi a partir dele que minha enorme paixão pelos livros nasceu.

    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Puxa Daniela, obrigada.
      Somos a prova viva que não tem idade para começar a ler!
      Beijos

      Excluir
  13. Nossa que texto maravilhoso ☺

    💗 💞 lindo mesmo. E realista, cruelmente realista.

    Não entendo pq os professores jogam fora a oportunidade de incentivar leituras obrigando os alunos a ler livros chatos....

    Parabéns pelo texto

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Denise, obrigada pelo carinho, suas palavras me emocionaram ♥...
      Acredito que os professores estão revendo isso. Tomara que mude logo!

      Excluir
  14. Olá Ruhh! Comecei lendo gibis do Tio Patinhas e amava suas aventuras. Desde pequena sempre fui apaixonada por livros, hábito que tive da minha mãe. O chato é que, além do povo do nosso país não ter o hábito de ler, as escolas ainda "empurram" livros totalmente cansativos. Aqui em casa já estimulo minha filha com seus livrinhos. Beijos!

    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzana, eu não tive gibis do Tio Patinhas, mas assim como você minha filha tem contato com vários Gibis e livros, para que ela possa saber qual tipo de leitura ela mais gosta!
      Beijos

      Excluir
  15. Primeiro, apaixonada pelo se blog. Coisa mais linda do mundo. Meu Deus! Eu sempre achei que "gostar de ler" é uma questão de achar o livro certo. Todo mundo gosta de ler no final das contas.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Debora, é lindo o blog da Ruhh né?
      Também sou fã de carteirinha ♥

      Excluir
  16. Oie
    ai que legal seu post, muito interessante falar sobre esse assunto, realmente muitas pessoas ainda não leram pois não acham o livro certo, sem contar que a escola tem um péssimo jeito de influenciar a leitura, eu mesma criei o gosto sozinha, adorei o texto

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Catharina, feliz que gostou do Texto.
      A influencia negativa das escolas em relação a leitura é realente triste, que isso possa mudar....
      Beijos

      Excluir
  17. Ruhh minha linda, como posso agradecer o carinho que você tratou o meu texto?
    Obrigada por ter compartilhado, obrigada pela amizade. Você mora no meu ♥

    Milhões de beijos!
    Blog Relíquias

    ResponderExcluir

Que tal deixar a sua opinião registrada aqui no blog?! Nós ficamos muito felizes por saber o que você pensa e pela sua visita.
Por favor, nada de comentários não construtivos e desrespeitosos :D
Deus te abençoe e volte sempre que quiser!
Comentários passam por moderação e são sempre respondidos! Caso queira ver a resposta, ative a notificação ^-^