02/07/2016

Resenha Literária | A bela e o ferreiro #3.5

Título: A bela e o ferreiro (Spindle Cove #3.5)
Autora: Tessa Dare
Editora: Gutenberg 
Número de páginas: 146 
Sinopse: Diana Highwood estava destinada a ter um casamento perfeito, digno de flores, seda, ouro e, no mínimo, com um duque ou um marquês. Isso era o que sua mãe, a Sra. Highwood, declarava, planejando toda a vida da filha com base na certeza de que ela conquistaria o coração de um nobre. 
Entretanto, o amor encontra Diana no local mais inesperado. Não nos bailes de debute em Londres, ou em carruagens, castelos e vales verdejantes. O homem por quem ela se apaixona é forte como ferro, belo como ouro e quente como brasa. E está em uma ferraria.
Envolvida em uma paixão proibida, a doce e frágil Diana está disposta a abandonar todas as suas chances de um casamento aristocrático para viver esse grande amor com Aaron Dawes e, finalmente, ter uma vida livre! Livre para fazer suas próprias escolhas e parar de viver sob a sombra dos desejos de sua mãe. Há, enfim, uma fagulha de esperança para uma vida plena e feliz. 
Mas serão um pobre ferreiro e sua forja o felizes para sempre de uma mulher que poderia ter qualquer coisa? Será que ambos estarão dispostos a arriscar tudo pelo amor e o desejo?
Ooi, gente! Se foi uma bela surpresa ler esse livro? Se eu amei cada segundo? Se eu não li, realmente, todos os livros anteriores? Pois bem, a resposta é sim!

Não há, nessa resenha, spoilers sobre os livros anteriores

Resenha

As apresentações do livro: Diana Highwood sempre fora a filha mais bela, mais doce, mais meiga, mais simpática, mais cuidadosa e protegida entre suas duas irmãs. Sua mãe sempre falou que ela não nasceu com o rostinho bonito para nada, afirmando a cada segundo que um lorde, um duque ou alguém nobre iria pedi-la em casamento. Nós conhecemos as Highwood desde o primeiro livro da série, "Uma noite para se entregar", descobrindo que o esposo da Senhora Highwood havia falecido há um tempo (e que ela estava desesperadamente querendo encontrar um marido para a filha mais velha, sendo então Diana) e que estava justamente ali, em Spindle Cove (lugar onde as mulheres solteiras ou que estão fugindo de algo são hospedadas em uma pensão, é uma pequena vila onde em sua maioria só há mulheres), para ver se a saúde de Diana melhorava, já que a mesma, desde pequena, sofria de asma, sendo esse o motivo de tanta proteção. Diana vivia presa dentro de casa, não podendo se esforçar, brincar como uma criança normal e aproveitar a juventude, já que qualquer coisinha sua mãe ficava morrendo de preocupação, achando que ela teria uma crise a qualquer instante.
"Mas ali, na oficina com Aaron Dawes, todo o refinamento de sua criação se desintegrava."
Confesso que de início, quando conheci essa personagem no primeiro livro da série, achei que ela fosse inocente demais, que somente concordava com a mãe atirando ela para cima de todos os homens (ricos), achando isso normal, usando-a como uma mercadoria só por causa de sua beleza. Porém, confesso que me enganei tremendamente. 
Após ler sua história, saber o que ela pensava, sobre seus sentimentos e como ela se sentia com a mãe sempre a atrapalhando, sempre achando que tinha o direito de oferecê-la para aquele que tivesse mais dinheiro, Diana me surpreendeu ao mostrar sua coragem, determinação e fé no amor. Uma personagem que não se deixa vencer por conta de seu problema de saúde ou deixar-se parar de acreditar que viviria um amor incrível e quente. 
Então, é aí que surge a não só nossa surpresa: ela havia se apaixonado por um ferreiro, quebrando completamente com as expectativas de sua mãe nervosa e de todos aqueles hipócritas que julgavam uma moça de uma classe alta com um homem pobre. A diferença das classes sociais sendo uma questão que devemos considerar durante a leitura, já que mesmo as Highwood não sendo ricas, elas ainda tinham seus dotes bem altos. E esse ferreiro é o único capaz de fazer com que a doce e inocente Diane pudesse aproveitar do prazer de suas imaginações e acreditar em um romance quase impossível.
"Esta noite minha irmã me perguntou se eu não queria começar a viver. E eu percebi que nem sei o que quero da vida. Eu sei o que minha mãe quer para mim. Eu sei o que todo mundo espera. Mas o que eu desejo de verdade?"
Excelente questão. Aaron esperou pela resposta.
Aaron Dawes é o único ferreiro em Spindle Cove, jovem e solteiro, não é muito cobiçado entre as moças, já que é visto como o protetor delas, como um irmão (e ele também as vê assim, talvez uma mulher esteja fora dessa lista rs) e por passar a maior parte trabalhando, Aaron se mantém em seu próprio mundo, tentando ao máximo ser prestativo e útil sempre que possível, de ferreiro a médico, já que endireita pernas quebradas e arrancava dentes! Ele também tem suas decepções do passado e a tragédia da morte de seu pai quando Aaron ainda era jovem, tendo de cuidar de suas irmãs e mãe (que se casaram e a mãe vivia com uma das moças), e confesso que fora uma surpresa conhecer mais desse personagem, que é incrível e maravilhosamente um cavalheiro em comparação a tantos riquinhos. Tinha orgulho do que era, sendo um trabalhador honesto, tendo seu cantinho ali na vila, mesmo sabendo que não poderia dar rios de presentes caros para sua futura esposa, Aaron me encantou, principalmente, por causa da sua determinação e sua sinceridade tratando-se de seus sentimentos. 
Um livro magnífico, com aquele romance que nos faz suspirar bobamente e querer encontrar um homem tão bom quanto Aaron e ser tão corajosa quanto Diana. É um livro curto? Sim, mas que traz belíssimas mensagens sobre amor, amizade, confiança, liberdade e persistência naquilo que se quer para a vida inteira. Estou mais que feliz por ter lido esse livro, que é mais como um extra (sendo o 3.5) para a série. 
Ler a história de Aaron e Diana me deixou com a esperança mais forte no amor verdadeiro, além de acreditar que eu tenho minha liberdade em escolher quem eu quiser para estar ao lado, para entregar meu coração e acreditar que fiz a escolha mais que certa. Esse livro é tão lindo, que dá vontade de gritar por aí, recomendando para qualquer pessoa que aprecia romances, sejam de época ou não. Há cenas "picantes", mas nada alarmante, mesmo que eu não indique para todas as idades. Mas, não se preocupem, não é focado nisso (nem um pouco!). 
Um som fez com que todos parassem.
O clique de uma pistola engatilhada.
"Eu acho que não." a voz de Diana, mais fria e calma do que Aaron jamais tinha escutado. "Afaste-se dele", ela ordenou ao Casaco Remendado. "Ou eu vou atirar em você."
A escrita de Dare é magnífica! Depois de ler dois livros de uma outra série dela (Castles ever after), fiquei curiosa sobre seus outros livros e acabei encontrando esse, que eu já tinha visto fotos do primeiro livro. Confesso que não li atentamente os dois primeiros da série (nem li realmente o segundo!) e nem li o terceiro, por isso podem encontrar spoilers sobre eles nesse livro resenhado, mas confesso que esse é o melhor até o momento que li de Spindle Cove. Os anteriores não fluíram muito (por isso não li completamente e não li o terceiro ainda), mas esse... Ah, esse livro eu li em menos de um dia! E isso não é só a questão da quantidade de páginas, mas por ter um enredo incrível e Dare saber como prender uma leitora rs   
Sobre a diagramação: bom, eu li em formato digital (pretendo ter o físico o mais rápido possível rs), então não há exatamente do que apontar e comentar, só que acho a capa maravilhosa e há uma referência nela que só quem ler vai entender rsrsrs e não encontrei erros durante a leitura.   
Se ela procurava uma resposta, não precisava de nada além daquilo.
"Sim", ela suspirou. "S..."
Antes que ela pudesse repetir, seus lábios foram tomados pelos dele.
Eu espero que tenham apreciado a resenha, e que não deixem, para quem é amante de romances de época ou de romance (ou de livros que trazem lindas mensagens e lições), de ler esse livro. Eu sei que haverá spoiler sobre os anteriores (são pouquíssimos, mas para quem não curte ler livros fora de ordem podem se surpreender), mas não percam a chance de lê-lo, sério! E para quem não liga para esses pequenos spoilers, pode ler sem medo e se encantar!
Beeijos e boas leituras.


12 comentários

  1. Eu li duas vezes A Bela e a Fera, acho que é porque estou lendo um livro que fala sobre ela hahaha. Não conheço a série, até porque não faz muito o gênero literário que eu tenho costumo de ler. Mas amei a resenha, esses trechos que foram colocados dão vontade de ler, mesmo que você não queira.
    E a capa é realmente maravilhosa, e você gosta mesmo da série, porque eu raramente leio livro digital. =X
    https://leitorironico.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  2. Oie

    Eu adoro romances de época e fiquei com vontade de ler este. Fiquei imaginando o romance dos dois!!
    Gostei também que as cenas picantes não são nada exageradas.
    E a capa é lindíssima! Com certeza, já vai para minha lista.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Rute!
    Você sabe que eu amo romances de época né?! E já estou de olho nessa série faz um tempo haha' as capas são maravilhosas.
    Amei essa resenha e agora estou super curiosa pra conhecer esses personagens que parecem mesmo ser encantadores, mas vou preferir ler em sequencia mesmo, porque não gosto de spoilers, mesmo pequenos hehe' (só gosto mesmo de dar spoilers kkk')

    Beijos
    www.colecionandoprimaveras.com.br

    ResponderExcluir
  4. Tesa Dare é uma autora incrível, sua leitura é simplesmente fantástica , é um mix de emoções, não gosto de romances de época, mais acredito e=que este eu iria gostar, parabéns pela resenha.

    Arthur - literando total
    literandototal.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Eu tenho que admitir que a capa do livro é bem bonita, mesmo a história não me interessando muito. Achei a resenha muito amorzinho também, haha! De qualquer forma, é sempre bom quando temos essas surpresas literárias <3 Abraços e até mais.

    ResponderExcluir
  6. Oiee ^^
    Eu amo romances, e amo mais ainda os romances de época, então acho que é o livro certo para mim..haha' ainda não o conhecia, mas sua resenha conseguiu fisgar minha curiosidade, principalmente pelo fato de a protagonista parecer ser um fantoche nos primeiros volumes, e aqui se mostrar alguém totalmente diferente. Fico feliz em saber que a escrita da autora é magnífica, parece ser o tipo de série que vale a pena ler.
    MilkMilks ♥

    ResponderExcluir
  7. Oi Ruhh!!!
    Adoro romances históricos, e esse está na minha lista.. hahaha
    Adorei sua resenha..
    e quero dizer mais uma vez que amo seu blog e ele é lindo.
    bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Eu só li o primeiro livro dessa série, mas simplesmente amei a escrita da autora e quero muito dar prosseguimento aos próximos livros. Gostei bastante da sua resenha, espero em breve adquirir esse exemplar.

    Abraços
    oblogcaentrenos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá, eu sei que não deveria começar mais uma série de romances de época sendo que tenho uma montanha de livros ainda não lidos na estante, mas desde que vi o título desse livro, essa capa lindinha e a sua resenha, estou com uma vontade enorme de ler ele, isso que dá ser viciada em romances de época! Achei interessante trazer essa questão da diferença de classes.

    ResponderExcluir
  10. Olá Rhuu,
    amei a sua resenha, não esperava algo tão grande para um livro que parece bem curto. A série é tão boa quanto esse extra parece ser, estou amando romances de época, ando lendo todos os da Arqueiro.

    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
  11. Amei sua resenha! Ando pirando com tanto lançamento lindo de romances de época. E o que são essas capas? Uma mais linda que a outra!!!
    Adoro romances assim, que como vc colocou, nos fazem suspirar bobamente querendo encontrar um homem como os que vemos nas histórias.
    Vou coloca-lo na minha listinha de desejos.
    Bjks

    ResponderExcluir
  12. Oi Ruhh, quanto tempo não venho aqui. Tudo bom?
    o Gênero Romances Históricos é um dos meus favoritos, mas ainda não li nada da autora. Adorei a sua resenha, está maravilhosa, me deixo com mais vontade de ler esse livro. Essas capas são divinas neh? Se você curte o gênero, não sei se vc já leu a Julia Quinn, se não de uma chance os personagens da autora são apaixonantes.

    Bjux ;)
    entrelinhasalways.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Que tal deixar a sua opinião registrada aqui no blog?! Nós ficamos muito felizes por saber o que você pensa e pela sua visita.
Por favor, nada de comentários não construtivos e desrespeitosos :D
Deus te abençoe e volte sempre que quiser!
Comentários passam por moderação e são sempre respondidos! Caso queira ver a resposta, ative a notificação ^-^